Controle do Estoque: Quais suas vantagens e boas práticas para mantê-lo organizado
Finances Desktop, Finances Web

Controle do Estoque: Quais suas vantagens e boas práticas para mantê-lo organizado

Um bom controle de estoque influencia diretamente nos resultados da empresa e pode ajudar a aumentar a sua lucratividade. Da mesma forma a falta dela pode prejudicar a saúde financeira do negócio.

estoque sendo gerenciado por uma mulher

Otimizando seus processos internos de estoque também irá acarretar na diminuição de tempo e energia perdidos.

O que é a Gestão de Estoque?

Controle de estoque tem como objetivo realizar a gestão dos produtos e registrar o fluxo destes, tanto os que entram como os que saem. Controlar o estoque é entender como o setor está se movimentando.

Além de registrar as quantidades dos produtos é importante registrar suas características também, podendo assim armazenar os produtos por tamanho, cor, formato, peso, entre outros atributos. Isso ajudará muito na organização.

Aproveitamento do seu espaço – Quando bem armazenada, suas mercadorias, a vantagem é visível. Além de ter o espaço físico mais bem aproveitado, é possível encontrar seus artigos com mais rapidez. Permitindo sua equipe ser mais produtiva e evitando perdas.

Produtividade da equipe – Quando padronizado os processos de sua gestão do estoque, naturalmente vai evitar trabalhos manuais que antes possuía. Criando uma equipe mais produtiva e diminuindo erros.

Reabastecimento – Ao mesmo tempo em que organiza seu estoque o seu setor de compras também é otimizado. Quando se tem um rigoroso controle das movimentações dos produtos, sabe-se quando é necessário comprar mais mercadorias e não deixar que falte estoque.

Tendências – Também controlando seu estoque você terá os relatórios de produtos que mais tem saída, aprendendo muito sobre o próprio cliente. Use isso de maneira estratégica para o lançamento de promoções no momento certo.

Dar atenção ao comportamento dos consumidores é possível identificar quais produtos estão saindo de linha. Assim seu negócio consegue prever tendências e ser o primeiro a oferecer novidades no mercado.

Economia – Evitando compras de mercadoria que não tem saída, o dinheiro economizado pode ser usado na compra de produtos que tenham mais saída. Isso traz benefícios ao setor financeiro no curto prazo.

Boas práticas para gerenciar um estoque

grande estoque de caixas

Criação de um Inventário – Faça um levantamento de todo seu estoque físico por meio de um inventário. Nesse processo, é importante que você organize a disposição dos produtos no espaço. Separe por tipos, em diferentes localidades. Além de melhorar a movimentação das mercadorias, trará agilidade a outros processos.

  • As formas mais comuns para você registrar seus dados para o inventário são:
  • Manualmente (caneta e papel);
  • Planilhas eletrônicas;
  • Com um sistema ERP. Embora essa opção não seja a mais barata, ao longo prazo ela traz agilidade e competitividade para superar a concorrência.

Informações Importantes – Algumas referências dos produtos são muito importante na hora de fazer o inventário.

Essas informações te ajudarão futuramente na tomada de decisões.

Algumas delas são:

  • Número de referência
  • Custo
  • Fabricante
  • Categoria
  • Localização
  • Validade

Conhecer bem seus produtos e como ele se movimenta, desde a data de compra até a data de venda é crucial para o negócio.

Controle dos preços

Além de saber a quantidade de cada produto em estoque você também precisa saber quanto de lucro cada item gera para o negócio. Alguns ERP’s fazem essa gestão de compras e vendas, possibilitando ter mais precisão nas informações dos seus produtos.

Fazendo isso você poderá:

Focar nos produtos que trazem mais lucratividade;

Saber quais produtos tem melhor e pior desempenho por margem;

Não fique sem mercadoria

Ficar sem estoque é uma das coisas mais perigosa em um negócio. Por meio de análises de relatórios você poderá ter um histórico das vendas e se planejar para não ficar sem estoque em determinados períodos.

E o contrário disso, ter mercadoria que não sai de estoque, também é um problema. Você pode resolver isso criando promoções ou dando descontos especiais.

Alguns erros na gestão de estoque

Como essa atividade demanda muita concentração, é comum que aconteçam erros nessa trajetória. Confira alguns abaixo e como evitá-los:

homem fazendo inventário do estoque

Excesso de estoque – Principalmente quando a economia está em crise, é comum ocorrer excesso de estoque. Se você trabalha com produtos perecíveis talvez possa ter perdas de todo seu estoque.

Para se prevenir concentre-se em investir nos produtos mais lucrativos e que vendem melhor. Uma maneira de fazer isso é começar a analisar suas vendas mensalmente.

Compare esses relatórios com os dos anos anteriores, para identificar as sazonalidades.

Estoque insuficiente – A falta de produtos também pode acarretar em prejuízos para o negócio que muitas vezes nem é percebido.

A falta de estoque também pode culminar na perda da confiança do cliente, que acaba sendo deixado na mão.

A falta de estoque é tão ruim quanto o excesso. Por isso, é importante um controle para que nenhum dos casos venha a acontecer.

Falta de inventário físico – A não realização de um inventário regularmente pode gerar problemas de compras indevidas ou falta de estoque em momentos críticos. Mesmo que no seu sistema diga as quantidades que você possui, é sempre bom fazer a recontagem física do estoque.

A gestão de estoque é muito mais do que apenas controlar o fluxo das mercadorias de uma empresa. A boa gestão contribui para a melhoria de todos os setores do negócio.

Utilizando o ERP Finances

Utilizando nosso ERP Finances aí as coisas ficam mais fáceis!

Você consegue:

  1. realizar um inventário rápido e eficaz
  2. organizar seu estoque por departamento e lote
  3. definir estoque mínimo e máximo de seus produtos
  4. bloquear vendas sem ter a quantidade em estoque
  5. notificar Produtos em Falta
  6. acompanhar o estoque atual e futuro (baseado em pedidos abertos)
  7. exportar seu estoque para planilhas
  8. formalizar um pedido de compra para seus fornecedores

e muito mais!

Saiba mais em: financesweb.com.br

Fonte: Blog Demander

Leave your thought here